Sexto e último single retirado de EROTICA, BYE BYE BABY foi a última tentativa de aumentar o prestígio do álbum lançado em 1992.

BYE BYE BABY possui uma base hip hop crua e Madonna canta com uma vozinha propositalmente abafada. Ela fala de um cara com quem ela não quer mais se relacionar, diz pra ele que ele teve todas as chances de fazer a coisa certa, mas ao que parece para o cara, fazê-la chorar o "excitava", então por isso era hora de dizer adeus! A música é até bem pop, mas não colou. Foi performada ao vivo na turnê THE GIRLIE SHOW, mas teve a mesma performance antecipada no VMA de 1993, no número de abertura da noite.

Este single foi um dos mais dificeis de se fazer, talvez por isso tenha demorado muito. Nçao quis me prender às versões oficiais e nem achava versões não oficiais muito diferentes da original. Porém, acho que consegui um resultado bem satisfatório!

O remix IDAHO´S DEEP LAZY EXTENDED é bem próxima da original , mas na minha opinião é melhor. TALAHASSE POP é um dos melhores, tem mais toques de Jazz e muda levemente a cara de BYE BYE BABY. Acelerando mais um pouco as coisas temos o ótimo SISTERHOOD VISION MIX. E indo pra um caminho totalmente Club, temos o ANTIDIVA VOILÁ MIX. E há ainda um dub: DIKKIE´S BYE BYE PHELLA DUB. E missão cumprida!



Na capa original de BYE BYE BABY temos uma foto que foi usada para promover o THE GIRLIE SHOW, eu usei fotos de outro ensaio, mas com a mesma cara abusada de BYE BYE BABY.



Para baixar, clique AQUI!