Isso mesmo, já fazem 10 anos...

Revolucionário, contestador, crítico e muito mal interpretado, AMERICAN LIFE até hoje é visto meio as avessas por boa parte do público e por isso, acaba tendo muito de seu brilho apagado. Ainda ssim, o disco foi crescendo entre os fãs e muitos que pararam pra ouvi-lo direito, acabaram entendendo-o e amando-o. AMERICAN LIFE foi uma confusão desde antes de nascer. Ele foi envolvido em inúmeros rumores - uns desmentidos e outros confirmados. Estes rumores começaram cerca de um ano antes, quando a faixa DIE ANOTHER DAY foi lançada e muitos "previam" que um novo disco de Madonna estava pra ser lançado na esteira do então novo single.

Lembro como hoje de como acompanhei bastante toda essa fase de rumores e acho que foi aí uqe começei a gostar dessa etapa de lançamento de um novo álbum. Eu ainda não tinha Internet em casa, mas já conseguia acessar em outros locais e aproveitava pra procurar tooooodas as informações. Para citar alguns destes rumores ( vocês deve lembrar de alguns):



- O disco seria com influência de Rock, mas também tinha sonoridade eletrônica no meio.
- Demorou a ser batizado e cogitou-se chamar de "Ein Sof", uma palavra em hebraico que significa "infinitude". Poderia ainda ser chamado de "Hollywood".
- Vários nomes de produtores foram ligados ao disco e entre eles William Orbit, Dr Dre, o duo frances Air, Mirwaiis, Paul Oakenfold, Jamie Catto ( ex Faithless) e Jacques Lu Cont ( Stuart Price). Apenas pra citar alguns.
- O disco teria cerca de 12 faixas e uma delas, possivelmente chamada NOTHING FAILS teria cerca de 12 minutos
- O disco não conteria a musica DIE ANOTHER DAY, mas teria outra musica feita pra o filme de 007 mas não incluida na trilha chamada CAN´T YOU SEE MY MIND.
- Uma das músicas teria um Rap - mas não como em VOGUE
- A Warner teria exigido que boa parte do disco fosse refeito por que soava pouco comercial
- O CD seria anticópias



Nós já sabemos o que se confirmou e o que não se confirmou né?

AMERICAN LIFE depois de tanta confusão foi lançado no dia 22 de abril de 2003. Madonna fez várias aparições, pocket shows e apresentações em mprogramas de Tv para promover o dico gerando uma das eras com mais imagens promocionais para aumentar nosso acervo. Madonna voltava a ser morena e pra variar estava envolvida em algumas polêmicas, tudo por causa do clipe do primeiro single, que todos sabem, foi censurado e teve o lançamento suspenso. Hoje conhecemos várias versões do clipe, uma mais pesada que a outra.




AMERICAN LIFE foi lançado em vários formatos além do Cd. Abaixo alguns "produtos" dessa era:

CD em edição regular










CD em edição limitada, com Box revestido de couro, uma cartela de selos e um poster







LP Duplo







Cassete
















CD de Taiwan com Slipcase e Obi












Cartazes de divulgação:





















Do disco foram lançados 5 singles, sendo que DIE ANOTHER DAY foi lançado em 2002 e incluido no tracklist final do Cd. Dos 5 singles apenas um ( NOTHING FAILS) não teve videoclipe. Os singles foram os seguintes:





















DIE ANOTHER DAY ( lançado antes do álbum)



















AMERICAN LIFE ( 1º single oficial)



















HOLLYWOOD




















NOTHING FAILS

















LOVE PROFUSION

Os links abaixo das capas dos singles são dos clipes oficiais das músicas. Exceto o video de NOTHING FAILS, que é uma versão linda e emocionante feita pelo Julio Skov e que vale a pena ser vista.

A música NOBODY KNOWS ME foi lançada como single promocional somente em Clubs. As faixa EASY RIDE e MOTHER AND FATHER também ganharam remixes promocionais de Tracy Young e Paul Oakenfold respectivamente.

Mesmo com tantos produtos e promoção, a era de AMERICAN LIFE foi marcada pela controiversia e com isso, acabou gerando negatividade entre o público. Madonna se sentiu pressionada a virar o jogo mais uma vez e em 2004 saiu pra promver o disco em uma turnê recheada de antigos hits e com somente 6 músicas do novo disco. Surgia a RE-INVENTION TOUR.

Com certeza AMERICAN LIFE merecia mais crédito e destaque porque o disco é maravilhoso. Emotivo, maduro, moderno para a época e que será aquele tipo de disco que voce só dá valor anos depois de ser lançado. Como esse ano o disco completa 10 anos, quem sabe não chegou a hora dele ter seu valor reconhecido.

O Twenty5&More preparou várias postagens pra homenagear o disco. Fiquem de olho!

Abração!



PS: Para ler mais curiosidades e bastidores do disco, visitem esse post AQUI do maravilhoso blog Imagem Madonna, do meu amigo Ique.